13 de setembro de 2008

Reivindicações da Ocupação da reitoria da UFSJ

Pauta de Reivindicações da ocupação da reitoria da UFSJ, tiradas em assembléia geral na noite de terça feira 09/09/08 por mais de 100 alunos presentes.

Nós, estudantes da Universidade Federal de São João del-Rei – UFSJ, que na última terça-feira, dia 09/09/08, em um ato às portas da pró-reitoria de extensão e assuntos comunitários (Solar da Baronesa), aspirávamos uma fala aberta a todos os estudantes presentes, intermediados por três interlocutores já escolhidos previamente, que garantiriam a organização do espaço; no qual seria debatido o direcionamento dos rumos de uma verba de R$ 419.000, destinada à assistência estudantil. Após sermos impedidos de entrar nesse espaço público, OCUPAMOS a reitoria dessa instituição para protestar contra a falta de diálogo efetivo por parte da Administração da Universidade com todos os estudantes presentes, além de pedir mais respeito com o seguimento discente e seu poder deliberativo.

Essa ocupação foi deflagrada devido não só à destinação dessa verba de R$ 419.000, mas também contra toda uma prática já recorrente nos espaços administrativos e decisórios da Universidade, de ‘não debate’ efetivo das pautas colocadas, e de interesse direto de toda sociedade e comunidade acadêmica, como a criação de novos campi, negativa de estrutura elétrica para implantação do xerox no DCE, criação de novos cursos, REUNI, e até mesmo a destinação da verba de assistência estudantil etc. Essas questões não foram efetivamente discutidas em nenhum espaço da Universidade, sendo algumas colocadas sempre como “emergenciais”, e por isso, não passíveis de discussão e maior problematização por parte da comunidade acadêmica.

Ressaltamos aqui o caráter pacífico da ocupação, e tornamos público que em nenhum momento impedimos o funcionamento da Universidade, respeitando o trabalho dos funcionários e salas de trabalho destes.

Com base nos fatos acima descritos, vimos através dessa pedir a efetiva participação de todos os estudantes, professores e técnicos administrativos da UFSJ, além do apoio e compreensão de toda comunidade são-joanense nesse processo de RETOMADA dos espaços públicos e administrativos dessa Universidade. Essa luta se alicerça inicialmente nas pautas do movimento estudantil, todavia suas motivações transcendem os interesses discentes, pois trata-se de uma ampla demanda pelo efetivo direito de voz e decisão de todos segmentos da Universidade; a partir da divulgação e consulta à comunidade acadêmica, além de um tempo satisfatório de debate nos conselhos superiores da Universidade.

Tendo em vista o supracitado, nosso legítimo movimento de ocupação reivindica da Reitoria da UFSJ as seguintes pautas (além da já mencionada democratização real dos espaços decisórios na Universidade), definidas em assembléia geral realizada na Reitoria no dia 09 de setembro de 2008:

* A criação imediata de uma pró-reitoria de assistência estudantil, com participação efetiva de dois estudantes indicados pelo DCE.

* Que os 419 mil reais em debate sejam gastos integralmente com a alimentação
.

Solicitamos, como condição única para desocuparmos o local, que sejam estabelecidos, oficialmente, prazos para o cumprimento dessas medidas.

São João del-Rei, 10 de setembro de 2008.

Nenhum comentário:

Videos

Loading...